Whats: (11)991916085

Você está em: Página inicial / Marcantes / Surpresas do Destino

Terapia de Regressão de Memória

Surpresas do Destino

Livro: Surpresas do Destino

Autor - Fonte: Linda Castle

Ir para a página:

... Abbie\'s Child
Linda Castle

De repente, seus corações foram capturados pelo fogo da paixão!
Colorado, 1888
A viúva Abigail Cooprel ficou arrasada ao saber que a filha havia morrido ao nascer e que fora substituída por um bebê saudável. Agora, seis anos mais tarde, ela cuidava com carinho do menino, como se fosse seu filho legitimo, e faria qualquer coisa para continuar com ele. Os anos que passara vagando pelos campos de mineração do Colorado, em busca da esposa desaparecida e do filho que jamais vira, causaram muito sofrimento a Willem Tremain. Solitário e desolado, ele quase chegara a perder as esperanças, até que Abigail e seu filho o fizeram amar outra vez.

Prólogo

Montanhas San Juan, Colorado 1882

Caminhando na sinuosa trilha da montanha, Abigail encolheu-se ao sentir outra pontada no ventre. As contrações haviam começado antes mesmo que Carl esfriass
na sepultura. Para suportar a dor, ela apertou os olhos e encheu os pulmões com o ar carregado pelo cheiro dos pinheiros. Quando a dor foi diminuindo, num fluxo e refluxo igual ao das vezes anteriores, apertou o xale de lã em volta dos ombros e retomou a caminhada.
Logo a noite envolveria aquela montanha com picos ainda cobertos de neve. Abigail precisava alcançar o acampamento de mineradores de Guston. O lugar onde ela e o marido haviam se instalado para garimpar ouro era dos mais isolados. Na opinião de Carl, isso seria uma vantagem, se houvesse muito ouro no lugar. Mas agora ela estava com medo de não chegar à cidade, antes que a criança nascesse.
Instantes mais tarde, as contrações voltaram. Com a testa pontilhada por gotas de suor, Abigail encostou-se numa pedra grande e fria, respirando pela boca a intervalos curtos.
— Por favor, meu Deus. — suplicou. — Meu filho não sobreviverá, se nascer aqui.
Era preciso chegar logo ao acampamento, e Abigail continuou a andar. As contrações aumentaram de intensidade, quando ela alcançou o alto de uma colina coberta de álamos. Dali podia ver a torre de uma pequena igreja recentemente construída. Já ouvira a história do reverendo Davis, que chegara à região muitos meses antes dela. Recentemente vindo da Inglaterra, ele queria levar a palavra de Deus àquela babilônia do Colorado, um lugar rico em ouro. O inglês não desistia, mesmo depois de ser enxotado pelos habitantes de Red Mountain e Iroton. Abigail não acreditara muito na história, mas aquela igreja era uma prova de que o reverendo estava vivo. E talvez fosse a salvação dela e do filho.
Quando continuou a andar, cerrando os dentes para suportar a dor, sentiu um líquido quente escorrendo entre as pernas. A bolsa havia se rompido. Com passos trôpegos, prosseguiu na direção da porta da igreja.
— Preciso viver pelo meu bebê. Por favor, meu Deus, não deixe que meu filho se torne um órfão.
Abigail alcançou a porta da igreja exatamente no momento em que outra contração começou. Graças a Deus, a porta se abriu, e ela se viu fitando um par de olhos azuis encimados por sobrancelhas espessas e brancas. Aquele homem idoso e de pele áspera certamente passava muito tempo ao ar livre. Mas não tinha a aparência que ela imaginara para um reverendo inglês.
— Sr. Davis?
Abigail ouvira que o pastor era um homem jovem. Não podia ser aquele.
Antes que ela pudesse fazer outra pergunta, porém, sentiu uma forte tensão nos músculos das costas, ao mesmo tempo que a dor se espalhava pelo abdômen.
Enquanto o rosto enrugado do desconhecido mostrava confusão, outra contração a fez segurar na porta com as duas mãos. Um ar de solidariedade apareceu no semblante do homem, substituindo a perplexidade.
Mãos também ásperas ajudaram Abigail a se manter de pé. O desconhecido fechou a porta, deixando o interior da igreja iluminado apenas por uma fraca lâmpada a querosene. Em poucos segundos, Abigail viu-se deitada num dos compridos bancos e teve a saia erguida até o alto das coxas molhadas. Encolheu-se de v ...

Ir para a página:

Busca Google